Educação BA Mais Futuro

Fique atento para as oportunidades da Educação BA, que abre inscrições para o Programa Mais Futuro 2018 do governo estadual, para bolsa estudantil aos universitários matriculados em instituições publicas de âmbito estadual com pouca condição financeira, e também, para oportunidades de estágio no setor público, podendo ser nas universidades e nos órgãos e entidades públicas do estado.




Educação BA Mais Futuro Inscrições 2018

Programa Mais Futuro Educação BA começa receber inscrições de estudantes de graduação de diversas áreas profissionais que estejam cursando na UNEB, UEFS, UESB e UESC e que estejam precisando de auxílio para o deslocamento universidade/casa, e de alunos que já estão na reta final do curso e buscam por vagas de estágio.

Mais Futuro é um programa lançado pelo governo da Bahia com o propósito beneficiar as pessoas mais necessitadas, as que se declaram baixa renda e inscritas no CadÚnico, e que tenham que pegar transporte para chegar até a universidade onde se matricularam.

Para ajudar os estudantes de graduação das instituições citadas, que residem há uma distância de até 100KM de onde estuda, é oferecida uma bolsa de R$ 300,00 e aos estudantes que moram numa distância maior, os que moram por tempo determinado na cidade onde situa a instituição, é oferecida uma bolsa de R$ 600.



Bolsa auxílio Mais Futuro

A bolsa será oferecida durante o tempo de estudo até que chegue a época de fazer estágio. Quando o aluno chega a 2/3 do curso é hora de iniciar o estágio, e fazendo o estágio pode ganhar uma remuneração mensal, e o valor ganho já dá ajudar nas despesas mensal, como o transporte para ir até a universidade.

O programa foi bem pensado para que o aluno pudesse ser beneficiado do começo ao fim, já que ganha dinheiro quando deve ser apenas estudante e quando chega no tempo certo tem a chance de iniciar o estágio e assim tem sua própria renda.

Para que as pessoas que mais precisam possam ser beneficiadas com a bolsa, os estudantes de instituições públicas, foram impostas algumas regras, como : não pode ter vínculo empregatício, não pode ter finalizado o curso de graduação, comprovar que reside há uma distância que necessita pegar transporte e que faz parte de família inscrita em programas sociais do governo federal com renda mensal que não ultrapasse a 3 salários mínimos.

Com essa ajuda vida do governo do estado muito mais estudantes devem ingressar e permanecer no curso, e com isso evita evasão de alunos por conta de recursos financeiros, pois esse é um dos maiores motivos do abandono nas universidades.

Órgãos e entidades que recebem estagiários do programa Mais Futuro

Vagas Estágio Salvador pelo Mais Futuro – costumam oferecer vagas aos estudantes a ADAB, AGERBA, Bahiatursa, Casa Civil, DETRAN, DPT, FAPESB, FUNCEB, Fundação Pedro Calmon, Findac, Gabinete do Governador, Ibametro, INEMA, IPAC, IRDEB, JUCEB, PGE, Estágio Polícia Militar BA, Polícia Civil BA, SAEB, SDE, SDR, SEAGRI, SEAP, SECTI, SEC, Secult, SEDUR, SEFAZ, SEI, SEINFRA, SEMA, SEPLAN, Sepromi, SERIN, SESAB, Embasa e outras.

Instituições públicas também costumam abrir vagas de estágio em Camaçari, Itabuna, Feira de Santana, Simões Filho, Vitória da Conquista, Teixeira de Freitas, Juazeiro, Alagoinhas, Jequié, Ilhéus, Brumado, Eunápolis e outras cidades da Bahia.



Inscrição Educação BA Mais Futuro 2018

Pode ser feita no site maisfuturo.educacao.ba.gov.br/permanência até 21 de junho 2018. Para dar início na inscrição informe a universidade onde estuda, número do CPF, número de matrícula e data de nascimento. Orientação para inscrição está no edital.

Para pedir bolsa do Auxilio Permanência – Mais Futuro o estudante deve estar fazendo graduação presencial até o 5º semestre se for curso de 4 anos ou 8 semestres, até o 6º semestre se o curso for de 5 anos ou 10 semestres e até o 8º semestre se o curso tiver duração de 6 anos ou 12 semestres. Passando desse período deve se candidatar em vaga de estágio.

Podem perder o benefício o estudante que fizer mais de dois trancamentos em disciplinas, tiver mais de duas reprovações e se trancar o curso por completo. O aluno deve ser desligado do programa, parar de receber o benefício, quando completar 2/3 do curso, que já estiver na fase de estágio.

Notícia sobre a abertura das inscrições foi publicada no site da Educação BA, confira : institucional.educacao.ba.gov.br



Comente aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.