Novo Programa Mais Médicos

Novas informações sobre o Novo Programa Mais Médicos 2019, governo federal informa que será lançado o Programa Médicos pelo Brasil, o qual vai substituir o Mais Médicos, com 18 mil vagas, ofertadas em caráter de emergência para cidades onde ainda estão com falta de profissionais e para formação de médicos especialistas. Confira abaixo quais são os requisitos para participar do processo seletivo.



Programa Mais Médicos

O Programa Mais Médicos lançado no país há 5 anos é um projeto do Ministério do Trabalho que foi criado para atender a população em locais que necessitam de mais médicos. Os médicos contratados por meio do programa atendem em regiões populosas menos favorecidos financeiramente, regiões de extrema pobreza e em regiões onde há um grande número de pessoas atendidas pelo SUS.

As vagas abertas pelo Mais Médicos eram para ser ocupadas por médicos brasileiros na época, mas como sobraram vagas, porque o número de médicos disponível não foi o suficiente, o governo aceito inscrições de médicos estrangeiros. Então foi pela necessidade de mais profissionais da área médica que os médicos cubanos, assim como médicos de outras nacionalidades, vieram para o país e estavam atuando em diversos municípios do Brasil.

Em 2018 o programa perdeu grande parte de médicos, que são os médicos de Cuba. Essa perda ocorreu porque o governo cubano não quer mais que os médicos de Cuba participam do programa. O governo de Cuba decidiu sair do programa porque o governo eleito, Jair Bolsonaro, ameaçou expulsar os médicos do Brasil quanto tomasse posse da presidência.




O presidente ia tomar essa decisão porque os médicos não têm diploma validado no Brasil, e a expulsão seria feita com base no Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira – Revalida, já que eles não têm a Revalida.

Opinião do blog

Com criação do programa muito mais pessoas puderam ser atendidas pelos médicos de diversas especialidades, os quais atuam pelo Sistema Único de Saúde. Os médicos de Cuba não comprovaram que são formados na área porque o governo não exigiu e foi um acordo. O que dá para entender é que, médicos que atendem os pobres não precisam comprovar que são médicos. Só precisam atender e pronto. Para o governo o que importava é que tinha médicos para atender o povo carente.

Mas, apenar de saber que os médicos não precisaram comprovar sua formação, muitos deles realmente são médicos capacitados. Isso foi comprovado pelas pessoas que foram atendidas por eles e foram curadas, como eu, editora desse artigo, assim como outras pessoas que conheço.

No entanto, houveram pacientes que foram atendidos por eles e não tiveram a mesma sorte. Teve pessoas que morreram depois de serem atendidas pelos médicos cubanos, segundo relato de conhecidos. Pelos relados dos conhecidos, foi medicação errada prescrita pelo médico. Três pessoas vieram a óbito em um só lugar devido a mesma ocorrência.



Novo Programa Mais Médicos 2019-2020

O Novo Programa Mais Médicos, chamado Médicos pelo Brasil, acabou de ser criado pelo governo federal, por meio do Ministério da Saúde. Esse novo programa tem como objetivo, abrir vagas em cidades com difícil acesso a médicos, lugares onde as pessoas estão sem profissionais da saúde. Além disso, formar médicos especialistas em Medicina de Família e Comunidade.

O governo pretende levar 18 mil médicos há 13 mil munícios brasileiros até 2020. Mas para que haja processo seletivo nas cidades que necessitam de médicos é preciso que haja parceria com gestores municipais. Esses devem assinar termo de adesão para aderir ao Médicos pelo Brasil. Os candidatos às vagas vão saber quais municípios estão participantes quando forem fazer a inscrição.

Processo seletivo dos participantes

Os médicos participantes do programa vão passar por um processo seletivo, realizado por meio de prova e curso de formação, que elimina e classifica de pessoas. Os médicos vão concorrer duas funções, são elas : Tutor Médico e Médico de Família e Comunidade.

Para função de Médico de Família e Comunidade – participam os médicos com registro no Conselho Federal de Medicina – CRM. Para tal função os candidatos vão fazer prova escrita e os que forem aprovados serão alocados para dar início no curso de especialização em medicina de família e comunidade com duração de 2 anos.




Para função de Tutor Médico – participam os especialistas em Medicina de Família e Comunidade e Clínica Médica com CRM. Esses candidatos vão fazer apenas a prova e os que passarem já serão contratados de acordo com as Leis de Trabalho. Depois de ocuparem cargos esses especialistas vão atender a população e fazer supervisão dos médicos que vão estar fazendo o curso.

Durante o curso de especialização os médicos-alunos vão receber uma bolsa-formação de R$ 12.000 mais R$ 3.000 de gratificação quando atenderem lugares remotos, que serão a zona rural e zona intermediária, e de R$ 6.000 quando aderem nos distritos sanitários especiais indígenas e nas localidades ribeirinhas e fluviais. Médicos tutores podem começar a receber R$ 21.000 e gradativamente chegar a R$ 31.000.

Inscrição Programa Mais Médicos

Os interessados pelas vagas do Novo Programa Mais Médicos devem aguardar data a ser anunciada pelo governo, pois ainda não há prazo de inscrição e processo seletivo 2019/2020. Novas informações serão publicadas no Diário Oficial da União, Portal do governo e do Ministério da Saúde.

Notícia sobre o Novo Mais Médico podem ser conferidas aqui : www.gov.br



Comente aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.