Auxílio Caixa emergencial veja como se cadastrar

Auxílio Caixa Emergencial para pessoas baixa renda começa a ser pago, veja como se cadastrar para receber ajuda de R$ 600 ou R$ 1.200 que pode ser transferido para contas no Banco do Brasil e CEF, sendo para contas já existentes e contas virtuais abertas na hora do cadastro.


Auxílio Caixa emergencial – segunda e terceira parcela

Começa ser liberado a partir de 27 de junho 2020 nas contas dos trabalhadores que se declaram baixa renda, que estão os trabalhadores informais, MEIs e desempregados, os perderam seus empregos e estão sem qualquer renda ou com renda baixa.

Auxílio emergencial

É uma ajuda que o governo está oferecendo para ajudar as famílias, pago em 5 parcelas. Esse benefício tem o propósito ajudar as pessoas que estão passando por uma situação difícil por causa da quarentena, resguardo determinado pelo governo para evitar o alastramento o novo vírus.

Para o governo e para todos os envolvidos manter a quarentena é fundamental para que evite tragédias no Brasil. Já que nosso país não tem suporte para atender uma quantidade tão grande de gente doente contaminada por um vírus tão perigoso, contagioso e possivelmente mortal.




Mas ficar de quarentena não vai ser fácil para ninguém, ainda mais se tratando da parte financeira. Por isso a auxílio vai ser tão importante, ainda mais para quem não tem nenhuma renda neste momento, que são os trabalhadores informais (autônomos), esses podem estar parados sem poder sair para trabalhar. Sem contar com os que foram demitidos, esses também vão ficar sem renda nos próximos meses, caso não consigam pedir o Seguro Desemprego.

O valor não é alto mas vai fazer uma grande diferença na mesa das famílias, que vão poder comprar o necessário, como alimentos e produtos de higiene. Pois é nisso que o dinheiro deve ser gasto. Todo como garantia R$ 600 durante três meses, as pessoas podem ficar despreocupada com a alimentação, que deve ser a chave para uma boa imunidade e no combate ao vírus. Mas claro, se o valor der para ajudar nas contas, melhor ainda.

Requisitos para pedir o Auxílio Caixa Emergencial

Ser maior de 18 anos de idade
Ter renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50)
Ter renda familiar mensal até 3 salários mínimos (R$ 3.135)
Não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018

No caso da mulher que for mãe e chefe de família – essa vai receber duas cotas do auxílio. Então a mulher chefe de família recebe R$ 1.200.




Auxílio Caixa emergencial veja como se cadastrar

Para se cadastrar, baixe o aplicativo cadastro auxílio Caixa emergencial informado abaixo ou o site e entre em Realize a sua Solicitação.

Para dar início ao cadastro marque as caixas abaixo e depois informe nome completo, número do CPF, data de nascimento e nome da mãe.

Aplicativo para Android play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.caixa.auxilio

Aplicativo para iOS apps.apple.com/br/app/caixa-auxilio-emergencial

Site cadastro auxílio emergencial Caixa auxilio.caixa.gov.brinicio

Informações sobre o CPF

Para poder se cadastrar é preciso que o CPF esteja regular, não pode estar com problemas. A pessoa que tiver com documento irregular não vai sair da segunda página.

Erros na hora de fazer o cadastro auxílio emergencial – estão ocorrendo erros na opção do CPF e em alguns casos não há qualquer restrição com o documento. O que também está acontecendo é que tem gente que informa seus dados e quando tanta lançar no sistema, aparece uma mensagem dizendo que os dados não batem com os encontrados na Receita Federal.

Então, se isso ocorrer com você, acesse servicos.receita.fazenda.gov.br/Servicos/CPF/ConsultaSituacao/ConsultaPublica e peça o comprovante da situação cadastral no CPF através do CPF e data de nascimento.




Comente aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.